Como fazer o desmame sem traumas?

04/08/2017 14:23

O pediatra Dr. Claudio A. Len ajuda as mamães em um dos assuntos mais complicados da maternidade: o desmame. Como e quando fazer? Os seios ainda enchem e empedram, o que fazer? Esse processo pode deixar traumas no bebê? Esclareça as suas dúvidas com as dicas do especialista para que você e seu bebê passem por esse processo de forma tranquila e saudável!

Com qual idade do bebê devo fazer o desmame?
O assunto desmame é muito complexo e envolve vários aspectos, como a produção de leite materno, ganho de peso, volta ao trabalho da mãe e aceitação por parte do bebê. Em uma situação onde não há restrições, o desmame ocorre entre 6 meses e 12 meses de idade. Algumas vezes acontece entre 12 meses e 24 meses. Esta resposta deve ser individual para cada família e não há uma regra geral. Hoje dispomos de fórmulas infantis de alta qualidade que podem ser utilizadas nos casos de necessidade. Um fato limitante para as famílias com menor poder aquisitivo é o custo destas fórmulas, que pode representar uma considerável proporção do orçamento familiar.

Esse processo pode envolver muito choro do bebê e resistência a aceitar alimentos. Como posso amenizar essas reações?
Nesta hora os pais devem ter calma, pois cedo ou tarde, todos os bebês acabam por aceitar outros alimentos. O estresse só atrapalha e gera ansiedade. Nunca soube de um bebê que ficou sem comer. Alguns bebês aceitam com facilidade, outros com dificuldade, mas no final sempre dá certo. Para a mãe sempre há um sentimento de separação, que envolve aspectos emocionais individuais. Como tudo em pediatria, cada caso é um caso, e as generalizações não funcionam na prática. Acho que a melhor forma de amenizar é saber que o tempo é da criança e não dos pais. Ou seja, é ele quem vai decidir quando aceita ou não, pois já é um indivíduo e já tem vontades e necessidades próprias.

Já tentei fazer o desmame diversas vezes, sem sucesso. Existem dicas ou recomendações para fazer esse processo de forma definitiva?
Só tenho uma dica: calma nesta hora. Algumas atitudes costumam ajudar, como a mãe ficar fora do alcance da visão do bebê. Mas a paciência é o melhor remédio e os bebês acabam aceitando no final. Como já falei, o estresse contamina todos na casa. Acho que se os pais não estão conseguindo de fato, o problema deve ser discutido com o pediatra e muitas vezes recomenda-se um acompanhamento psicológico para os pais, o que é muito salutar nestes casos. As “separações” não são simples, mas os pais tem que se acostumar com a ideia que seus filhos são indivíduos particulares, e não são cópias exatas deles. E, nesta fase, o processo ainda está começando...

Consegui desmamar e meus seios continuam enchendo de leite. O que devo fazer para o leite secar?
Na maioria das vezes é uma questão de poucas semanas para o leite secar. Quando os bebês não sugam a mama, o estímulo para produção de leite vai diminuindo naturalmente, é da biologia humana. Raramente são necessários medicamentos para acelerar este processo, que podem ser prescritos pelo obstetra ou pelo pediatra, de acordo com cada caso. As mães e os bebês são únicos e não há uma verdade absoluta.

Dr. Claudio A. Len (CRM-SP: 59.931)
Pediatra da Clínica Len de Pediatria.
Pediatra formado em 1987 pela Faculdade de Medicina da Santa Casa de São Paulo. Fez Residência Médica em Pediatria na Escola Paulista de Medicina. Nesta mesma instituição fez Mestrado e Doutorado em Reumatologia Pediátrica e atualmente é Professor da Disciplina de Alergia, Imunologia Clínica e Reumatologia do Departamento de Pediatria. Título de Especialista em Pediatria desde 1990. Médico do Departamento Materno-Infantil do Hospital Israelita Albert Einstein.

Compartilhe:
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
Categorias: